sexta-feira, 8 de maio de 2009

[FotoVídeoReport] Hermoso de Mendoza sai pela Porta Grande na Corrida Inaugural do Abono 2009 no Campo Pequeno


Crónica Tauromáquica por Luís Rodelo:
Fotografia por Pedro Batalha, Chefe de fotografia do serviço Naturales - Correio da Tauromaquia Ibérica:

Aguardada com grande expectativa, a primeira corrida do Abono 2009 na catedral lisboeta teve casa cheia, onde se viveu um verdadeiro clima de festa entre aficionados que compareceram no Campo Pequeno também em defesa dos valores da Festa Brava.

António Ribeiro Telles abriu praça perante o primeiro Passanha com 524kg de seu nome "Gavião". Logo nos primeiros instantes, o cavalo “Ópio” negou-se ao primeiro ferro, resultando um aparatoso toque na montada. Em seguida e em resultado de um enorme sentido para lá das tábuas, o "Gavião" viria mesmo a transpor a trincheira, percorrendo 1/4 de praça pelo interior desta.



Já no decorrer «normal» da lide, esta acabaria por revelar brilho com o cavaleiro da Torrinha a saber estar por cima do seu oponente sabendo medir os terrenos. Nota alta para alguns ferros cravados na sua forma mais clássica; No 4º toiro da noite, Telles teve uma lide clássica com pormenores de requinte provenientes da alta escola: ferros cravados com arte a entrar recto no toiro. Este mostrou-se curto de investida mas suficiente para proporcionar mais uma boa lide.


Pablo Hermoso de Mendoza
lidou o segundo da noite, de seu nome “Cómodo” com 564kg: um toiro manso que saiu solto nas primeiras investidas. Resultou numa boa lide derivado ao empenho do rejoneador que andou constantemente em terrenos do seu oponente, ladeando e recortando ferros de grande nota. O público exigiu e Pablo teve direito a 2 voltas ao ruedo;

Para o quinto da noite um exemplar com 632Kg: nobre em investida, o rejoneador soube tirar partido com ladeios e piruetas na cara do toiro, cravando ferros de grande valor. Novamente o público a exigir e Pablo a dar 2 voltas à arena. Duas lides soberbas perante toiros de características diferentes que, de acordo com o novo regulamento em vigor no Campo Pequeno, resultaram na saída em ombros pela Porta Grande da Catedral do Toureio Equestre nacional.

Vítor Ribeiro
enfrentou no seu toiro inaugural, o "Gigante": um exemplar com 542kg que cedo deu mostras de mansidão. Foi uma actuação esforçada com o toiro a pedir contas ao cavaleiro, na qual foram cravados ferros a transmitirem pouco e a ofuscarem algum do brilho que o cavaleiro merecia; No derradeiro da noite - de seu nome "Varredor" e com 594kg - Vítor Ribeiro não teve melhor sorte deparando-se com um oponente que cedo procurou tábuas, balanceando entre a recusa em investir e meias investidas. Este viria a revelar-se um toiro manso e difícil, pelo que no final o desalento no jovem cavaleiro era evidente, em resultado de lhe ter calhado em sorte o pior lote da noite.


No que diz respeito aos forcados, uma noite sem sobressaltos. Os Amadores de Lisboa, capitaneados pelo Cabo Luís Gomes fecharam as suas sortes respectivamente ao 1º, 1º e 2º intentos;


Por sua vez os Amadores de Coruche, capitaneados pelo Cabo Amorim Ribeiro Lopes consumaram as respectivas pegas ao 2º, 1º e 1º intentos, com o forcado da cara na derradeira pega a revelar um grande querer e muita firmeza de braços para se manter na cara do toiro.
Este serviço traz até si todas as pegas desta noite, assim como excertos de pasodobles interpretados pela Banda da Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense.
Apresentamos em seguida o vídeo com a actuação dos Forcados Amadores de Lisboa:
Apresentamos agora o vídeo com a actuação dos Forcados Amadores de Coruche:

Mostramos em seguida o vídeo referente à Banda do Samouco, registado no 2º toiro da noite, durante a 1ª lide de Pablo Hermoso de Mendoza, com o tema "España Cañi":

Veja aqui a crónica em profundidade por Patrícia Sardinha, Sub-Directora do serviço NATURALES - Correio da Tauromaquia Ibérica. Consulte com regularidade este Serviço Taurino e não perca todas as notícias da Festa Brava. Dentro de poucos dias voltarão a haver mais notícias do meio taurino aqui, no serviço online da Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense.

2 comentários:

ferreira teixeira disse...

Magnifica e excelente interpretação de toda a banda com um solo de fazer calafrios , parabéns a todos , músicos e maestro, sem esquecer a direcção .

Mr_Iman disse...

Muito bom!

Fotos extraordinarias e videos muito bons!

Parabens a equipa!

Abraço em especial pro Rodelo ;)

Este homem e uma maquina!!! :D

Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense
Instituição de Utilidade Pública
Sede: Rua Francisco Domingos Taneco, 2890-242 Samouco, Portugal

Optimizado para resolução 1024x768 em ambiente Mozilla Firefox v3.0.11
© 2007-2010 Todos os Direitos Reservados.